Biografia

Solano Jacob é professor, escritor e músico de grande influência no cenário do reggae nacional. Nascido em São Bernardo do Campo no final dos anos 70, há mais de quinze anos vêm atuando em todo o Brasil e inclusive no exterior no intuito de aliar a música à educação no processo de construção do espírito humano.

Graduado pelo Instituto de Ciências Biológicas, pela Faculdade de Educação e pela Faculdade de Filosofia da Universidade de São Paulo – USP, Solano Jacob sempre acreditou na sincronia entre o meio musical e uma formação acadêmica, politicamente ainda não acessível a todos, porém vista como necessária para nosso progresso individual e social.

Foi o idealizador e líder da banda paulista Leões de Israel, trabalho no qual lhe rendeu ascensão na carreira como cantor e compositor através de grandes sucessos como Filhos Rebeldes, Secou a Fonte, Ouça a Profecia, Me Gwann, Jah Jah Children e Treading Around the Land, bem como o lançamento de dois álbuns intitulados – Pilares da Justiça (2002) e Palavra Viva (2005).

Apresentou-se nas principais capitais brasileiras, em Salvador no ano de 2004, acompanhou Gregory Isaacs no maior festival de reggae da Bahia o República do Reggae para mais de 30.000 pessoas. A turnê estendeu-se pela América do Sul e incluiu cidades como Buenos Aires, Fortaleza, Aracaju, Belém, São Luis e Recife.

Solano Jacob esteve presente no conceituado Circuito Reggae Paulista, projeto amplo que realizou inúmeros festivais de reggae em São Paulo e nas principais cidades da Grande São Paulo, como Osasco, Suzano, Carapicuíba, Guarulhos, Jundiaí, Vinhedo, Valinhos, Campinas e região.

Em sua bagagem não podemos deixar de mencionar sua participação conjunta em festivais com grandes nomes do reggae mundial como: Israel Vibration, Don Carlos, Midnite Band, Fullyfullwood Band, The Gladiators, Peter Broggs, The Wailers, Julian Marley e Steel Pulse.

Em meados de 2005, Solano Jacob juntamente com sua banda de origem foram convidados a representar o Brasil no maior festival de reggae jamaicano, o Rebel Salute Festival em uma cidade próxima à capital Kingston.

Em meio às grandes lendas do reggae jamaicano como Burning Spear, Cocoa Tea, Third World, The Congos, Inner Circle e Luciano, Solano Jacob conseguiu aplausos e respeito por parte do povo jamaicano enquanto cantava uma de suas composições em inglês, “Me Gwann”. Esta apresentação pode ser assistida no DVD mundialmente conhecido, Rebel Salute 2006 – Volume 3.

Ao retornar da Jamaica em janeiro de 2006, Solano trouxe uma nova proposta de trabalho. Em carreira solo, apresentou em maio de 2008 um projeto inédito – A Fé e a Razão. Uma comprovação de que a música e o ato de pensar são aliados em qualquer processo educativo, o trabalho é apresentado em duas partes complementares: o album contendo 12 faixas e o livro de mesmo título. Distribuído pela Tratore, o projeto “A Fé e a Razão” pode ser encontrado em diversos veículos de mídia como Submarino, Amazon, Napster, FNAC, Siciliano, Saraiva e Livrarias Cultura.

Em 2009, Solano Jacob gravou seu primeiro DVD intitulado “Ao vivo – Tribe House 2009”, contendo performances das canções do álbum “A Fé e a Razão” e do início de sua carreira. Em janeiro de 2010 retornou à Jamaica para diversos concertos em Kingston, Bull Bay e Santa Elizabeth. Com a repercussão mundial do projeto “A Fé e a Razão”, Solano Jacob foi convidado a realizar uma turnê Europeia no ano 2010, que incluiu países como: Polônia, Alemanha, Eslovênia e República Tcheca e cidades como Berlin, Munique, Dortmund, Varsóvia e Liubliana.

Em plena atividade de produção criativa, Solano Jacob apresenta no segundo semestre de 2012 seu novo álbum denominado “O Santuário da Família”, uma abordagem atual e reflexiva sobre a temática da família moderna, suas crises e identidades.